Redes sociais: 10 posts que podem afundar sua carreira

As redes sociais são um verdadeiro campo minado para os profissionais nos dias de hoje. Acertar as palavras no Facebook, Twitter, Google+ e outras plataformas exige consciência. Escrever algo errado é muito fácil. E não se engane ao pensar que o que você compartilha em seu círculo permanece ali. Tal como acontece com e-mail, qualquer postagem em rede social pode ser facilmente compartilhada. A seguir, estão os tipos de atualizações que poderiam deixar você, sua empresa ou mesmo ambos, em apuros.

  1. “Estou TÃO entediado no trabalho”. Talvez o dia não esteja tão animado, ou talvez você apenas tenha um serviço entediante, mas é uma má ideia proclamar esse sentimento ou qualquer outro. Tal postagem pode afetar sua próxima avaliação e certamente causará estranhamento com seus colegas, que com certeza não apreciarão seu tédio.
  2. “Trabalhando em um projeto de fusão urgente”. Durante períodos sensíveis – como durante uma fusão ou quando ações legais são tomadas – empresas podem ter vários problemas a revelar algumas informações. Se você sabe que não deve falar sobre algo relacionado à companhia em público, não presuma que pode fazer isso em redes sociais – mesmo de maneira vaga.
  3. “Que estranho – não há NINGUÉM no escritório hoje”. Esse tipo de post é imprudente por duas razões. Primeiro: é ruim para a imagem da organização. Segundo: pode ser um convite tanto para o roubo quanto para a espionagem.
  4. “Minha empresa acabou com a (nome de seu competidor) hoje com a grande venda para (nome de um novo cliente)”. Suas intenções podem ser boas, mas como citado acima, você deve ter muito cuidado com qualquer informação compartilhada. A maioria das empresas tem ou desenvolvem regras sobre políticas de posts em redes sociais. É importante saber se você está autorizado a falar sobre informações relacionadas à a companhia e se sim, quando e em qual contexto. Na dúvida, não poste.
  5. “Estou tão feliz por ter saído daquela empresa estúpida e agora estar trabalhando em algo novo e maravilhoso”. Lembra-se dos ditados sobre nunca fechar portas ou sobre o mundo ser pequeno? Verdades nunca devem ser ditas. É maravilhoso que você tenha um novo emprego, mas na atual economia, nunca se sabe quão seguro é. E se seu trabalho “novo e maravilhoso” não funcionar e você tiver que voltar à organização que insultou? Ou se você acabar trabalhando com alguém que também trabalhou onde você estava antes? Além de tudo isso, é antiprofissional falar mal de seus contatos e conexões.
  6. “Não consegui a promoção”. Esse tipo de post não é necessariamente ruim, mas pode fazer com que você pareça fraco. Você pode fazer com que seu desapontamento se transforme em oportunidade ao contar o que aconteceu e descrever seus planos para que algo mais positivo ocorra no futuro.
  7. “João trouxe coisas intereçantes, pra mim fazer”. Ortografia, gramática e pontuação contam.
  8. “Fiquei tão bêbado no show de ontem! Sorte que consegui voltar pra casa”. Sério? É preciso dizer porque essa mensagem é estúpida? Sua presença social é um reflexo de quem você é e como você agirá em qualquer situação – pessoal ou profissionalmente.
  9. “Obrigado pelo comentário. Agradecemos a preferência”. “Obrigado pelo comentário. Agradecemos a preferência”. “Obrigado pelo comentário. Agradecemos a preferência”. As empresas também precisam avaliar o que dizem – ou não dizem – nas redes sociais. A boa notícia é que muitos percebem um aumento de clientes devido à suas presenças nesses sites. A má notícia é que algumas respondem com comentários robotizados. Então, clientes que falam bem ou mal recebem a mesma resposta. Isso é uma péssima prática social e é péssimo para os negócios.
  10. “O silêncio é uma péssima jogada em redes sociais”. Companhias que não respondem às reclamações dos clientes ou que não atualizam suas ofertas, notícias, etc – que é o que faz com que as pessoas acompanhem o Facebook ou o Twitter da empresa – logo verão seus fãs, bem como uma ótima oportunidade social, irem ralo abaixo.

 

fonte:Redes sociais: 10 posts que podem afundar sua carreira