Momento econômico estimula evasão de profissionais

As equipes de TI foram pressionadas a acumular uma série de funções durante a crise, como reflexo, existe um descontentamento no mercado

Muito tem sido escrito sobre a dificuldade de retenção de talentos em TI e sobre quantos profissionais dessa área, por conta do cenário econômico novamente aquecido, estão em busca de um novo trabalho. E a situação não é surpresa, já que durante a recente crise, as equipes absorveram novas atribuições, mas não tiveram qualquer aumento de salário.
 
O desejo de ganhar mais não é a única razão para os profissionais de TI que estão em busca de um novo emprego. O diretor-executivo da consultoria NFI Research, Chuck Martin, acredita que muitos profissionais de tecnologia consideram a mudança de empresa como uma forma de buscar melhores condições de trabalho e, principalmente, evitar um excesso de atribuições.
 
Segundo o consultor, ao longo dos últimos anos, as equipes de TI tiveram de realizar as mesmas tarefas com equipes cada vez mais enxutas, o que gerou uma sobrecarga nos profissionais. “As pessoas de TI que tinham uma função, tiveram de absorver o trabalho e as funções dos que foram demitidos”, diz Martin, que acrescenta: “É por isso que as pessoas estão procurando um novo emprego”.
 
Como resposta, os departamentos de TI terão de fazer um esforço redobrado para reter seus principais talentos. Além disso, terão de reavaliar as atuais atribuições das equipes, inclusive na hora de buscar profissionais para posições em aberto na organização.

E, acima de tudo, fica a lição. Quando uma demissão é necessária, todos os planos de retenção de profissionais podem não servir para nada. Já que os empregados tendem a ficar estressados com uma sobreposição de tarefas, principalmente quando as mesmas excedem suas habilidades e suas ambições profissionais.

 

Fonte: Momento econômico estimula evasão de profissionais