Metrô de SP inaugura data center verde

Empresa inaugura espaço com capacidade de armazenar 14 Terabytes, quatro vezes superior à capacidade existente.
O Metrô colocou em operação seu próprio Data Center, o mais moderno entre as empresas públicas do Estado de São Paulo. Com tecnologia de última geração, o local reúne servidores, storages e CPU’s com capacidade para armazenar até 14 terabytes (14 mil gigabytes) – quatro vezes superior à existente.
 
A nova central foi projetada e concebida dentro do modelo de Green Computing, ou seja, os equipamentos têm consumo de energia 50% menor que os tradicionais. O acesso é feito por sistema de identificação biométrica (utiliza a impressão digital). As salas são blindadas, hermeticamente fechadas e climatizadas, além de contar com câmeras de vigilância internas e externas. Há ainda modernos sistemas automáticos de detecção de incêndio, monitoramento e controle da temperatura, umidade e partículas na atmosfera.
 
Os equipamentos instalados são redundantes, ou seja, na falha de um deles, seu par entra em funcionamento. Todos os sistemas (segurança, energia, refrigeração, etc) são controlados por um computador inteligente que gerencia de maneira integrada cada um dos dispositivos.
 
Para garantir o suprimento ininterrupto de energia, o Data Center possui dois no-breaks, com autonomia de 16 minutos e um gerador movido a diesel com potência de 275 Kva.
 
Todas as aplicações e o processamento de dados da rede corporativa do Metrô deverão migrar, gradativamente, para o Data Center. Isso permitirá centralizar o gerenciamento da rede e garantir mais agilidade e estabilidade dos sistemas informatizados. Também será possível identificar, de imediato, equipamentos, sistemas e periféricos que estejam indisponíveis e restabelecê-los com todos os serviços disponíveis.

 

Fonte: Metrô de SP inaugura data center verde