Itaú entra na era da TI Verde

Banco Itaú é o primeiro banco brasileiro a adquirir o mainframe IBM System z10. Lançada há dois meses, a máquina foi projetada para aumentar a eficiência e o desempenho do centro de processamento de dados e reduzir custos de energia e de resfriamento.

A aquisição foi realizada no processo de upgrade de capacidade e de atualização do parque de computadores centrais do Itaú e faz parte do plano estratégico de evolução da infra-estrutura de TI para suportar o crescimento das operações do banco que, só em 2008, pretende abrir cerca de 140 agências no Brasil.

A compra viabiliza o aumento de capacidade de processamento mainframe em 10.750 MIPS (milhões de instruções por segundo) no Data-center principal do Banco Itaú, em São Paulo, que agora passa a contar com 56 mil MIPS de capacidade total. Adicionalmente, também estão sendo atualizados os computadores do Data-center de Disaster Recovery da instituição, localizado em Campinas.

A adoção da nova reforça a estratégia do Itaú de manter o seu parque tecnológico atualizado. No período 2008 a 2010, grandes projetos na linha do TI Verde, como virtualização de servidores, adoção de equipamentos “green” e a implantação do conceito Next Generation Data Center (NGDC) deverão elevar ainda mais os patamares de otimização do consumo de energia.