Firefox e Chrome resistem a desafio hacker

Os navegadores Firefox e Chrome se saíram bem durante competição entre hackers, sem que vulnerabilidades fossem encontradas.

O desafio Pwn2Own 2011, que se encerrou no domingo (13), teve os browsers Safari, da Apple, e Internet Explorer 8, da Microsoft, como os mais explorados pelos hackers.

 

A competição faz parte da conferência de segurança CanSecWest e instiga os hackers a executar códigos arbitrários a partir de vulnerabilidades encontradas nos principais navegadores, além de escapar de sandboxes impostas (ambientes restritos com limitado acesso a dados e sistemas).

Os que tentaram atacar os navegadores da Mozilla e do Google, tiveram que desistir após não conseguirem localizar e explorar as vulnerabilidades durante o prazo estabelecido pelo evento.

As equipes das duas empresas parabenizaram os competidores, e afirmaram que não seria por coincidência que ambos os browsers trabalhassem com programas de recompensas, serem de código aberto e possuírem equipes próprias de segurança.

Este é o terceiro ano seguido que o Google Chrome não é invadido. Já o Mozilla Firefox conseguiu o feito pela primeira vez, desde 2009 quando começou a participar da competição

fonte: Firefox e Chrome resistem a desafio hacker