52% dos executivos de TI preferem nuvem particular, diz pesquisa

O estudo foi realizada pelo grupo IDC, que prevê crescimento nos serviços de cloud, chegando a 55,5 bilhões dólares em 2014.

Uma pesquisa, do grupo IDC, divulgada, na última quinta-feira (25/06), aponta que 52% dos executivos de TI preferem a utilização de uma nuvem privada à uma nuvem pública, informou o chefe de análise da companhia, Frank Gens.

“Existe claramente uma maior preferência por uma nuvem privada”, disse Gens. Entre os entrevistados, 75% disseram que utilizariam aplicações de colaboração em uma nuvem privada e 53% que usariam e-mail no mesmo ambiente. Apenas 22% responderam que não tinham preferência entre os dois serviços em nuvem.

Ainda assim, Gens acredita que muitas empresas utilizarão ambos os tipos de nuvens. “A utilização de uma nuvem pública necessitará de uma série de soluções, portanto, é muito provável, que todos os clientes, pelo menos de médio porte para cima, combinarão ambientes privado e público, dividindo as aplicações”, disse ele. 

O grupo IDC espera um crescimento significativo, nos serviços em cloud computing para os próximos anos, que só em 2009, superou os 16 bilhões de dólares, e deve chegar a 55,5 bilhões dólares em 2014.

O conceito surgiu nos últimos anos, enquanto os departamentos de TI continuam a lutar por uma construção integrada, eficiente e de rápida implantação. 

A IDC define uma nuvem privada como um recurso de nuvem corporativo interno, no qual a empresa é fornecedora tais serviços, oferecendo auto-armazenamento, opções de pay-per-use e acesso simples, através de um navegador.

Fonte: 52% dos executivos de TI preferem nuvem particular, diz pesquisa